terça-feira, janeiro 03, 2012

POESIA: LORCA


16 comentários:

  1. No me gusta demasiado.


    LUIZ

    ResponderEliminar
  2. O mar tem laranjas, pelo menos o Cavaco diz que sim, e mangas e ananases, e kiwis...

    boa semana

    ResponderEliminar
  3. A mesa dessa criatura e sequazes tem laranjas...amargas , mas os portugueses até as escolheram!!

    Boa semana, TÁXI.

    ResponderEliminar
  4. Viva Sevilha, que foi a minha primeira grande viagem ao estrnageiro e me ficou para sempre no coração.

    Viva você também, meu querido SERGINHO!

    ResponderEliminar
  5. Há poemas de Lorca de que rosamarela gosta mais.

    ResponderEliminar
  6. Este também não é dos que mais me agradam, sabe?

    ResponderEliminar
  7. *
    Amig
    visito-te com amizade,
    carinho e respeito !
    ,
    Gostei do Post, parabéns ! !
    ,
    retornei e o meu regresso
    tem as asas da boa vaga
    esquecendo a onda amarga
    tão triste no seu quebrar,
    porém, é belo o seu trovar,
    ecos fortes e salgados,
    de Paz , “standarizada” !
    Paz nos meus votos sagrados,
    que aqui deixo, bem expresso !
    ,
    conchinhas, muitas, para ti !
    *

    ResponderEliminar
  8. Pois eu acho que Sevilha tiene naranjas y amor! Adoro Sevilha!

    ResponderEliminar
  9. Amigo, que maravilha o teu regresso à Net e a tua presença sempre muito bem vinda aqui a esta casa também tua!!

    Um abraço apertado e carinhoso, POETA!

    ResponderEliminar
  10. SEvilha foi a minha primeira grande viagem e desde aí que a adoro!

    Um abraço gramde, CAROLzinha.

    ResponderEliminar
  11. Um fresco poema. Gostei! Do poema e das fotos.
    Nunca estive em Sevilha, para minha tristeza. :(

    Abraço e beijinhos, querida São

    ResponderEliminar
  12. Durante muito tempo eu julguei que era o campeão das viagens.
    Afinal verifico que sou batido largamente aos pontos, pela São.


    Abraço

    ResponderEliminar
  13. Sevilha tem todo encanto, e fiquei a gostar dela desede a pirmeira vez que a vistei aos 15 anitos, rrss

    Saudades e beijos, MANDRAg

    ResponderEliminar
  14. Tens a ceretzae? Olha que eu não tenho, rrss

    Beijinhos, meu amigo ZÉzito

    ResponderEliminar

"BENVEGUT AQUÈL QUE NOS VEN MANS DEBÈRTAS"
(Saudação Cátara)

Arquivo do blogue