quinta-feira, novembro 29, 2018

GREVE DA ENFERMAGEM



Ana Rita Cavaco é enfermeira  e a Bastonária da respectiva Ordem.

Tem uma greve em curso , algo que em princípio tem todo o direito de  realizar.Também participei em greves e fui , inclusivamente, dirigente sindical.

Só que, lamentavelmente, os objectivos desta criatura são políticos  e não olha a meios para atingir os fins.

Desde quando  e a que propósito uma greve é subsidiada?! E por quem ?! E porquê?! E com que finalidade?!

Como é que uma profissional de saúde pode contar como sucesso mais de quinhentas cirurgias adiadas  que não podem ser reajustadas nos próximos anos ?!

Queixa-se de falta de condições e de pessoal, mas não teve uma única palavra de protesto quando Passos e Portas convidaram à emigração e muitissimas centenas de colegas dela partiram.

Este comportamento é indigno  e totalmente falho de vergonha e de ética, além de desumano.

A luta política jamais deve passar pelo sofrimento de pessoas já de si fragilizadas e menos ainda de as utilizar como arma de arremesso contra o Governo, seja ele qual for.

 

quinta-feira, novembro 22, 2018

JOHN KENNEDY

John Kennedy foi assassinado  em 22 de Novembro de 1963.

Embora ocupasse o mais alto cargo dos Estados UNidos da América o seu assassinato ainda hoje não está esclarecido.

Creio firmemente ter sido vítima ( como mais tarde seu irmão Robert também  foi) de obscuras e maquiavélicas maquinações dos serviços secretos e da coligação entre militares  e negociantes de armamento,  com a colaboração do crime organizado.

É impossível que uma bala andasse ricocheteando   em ziguezague matando e ferindo a esmo. 

Logo na época achei estranho Ruby ter entrado armado numa esquadra de polícia repleta e ter tido ocasião de assassinar Lee à queima-roupa. Assim como ultrapassava o entendimento de quem quer que fosse  a morte em vários estilos das testemunhas de Dallas.

Os EUA são tudo menos uma democracia impoluta e transparente, de verdade.E tudo piorou com Donald Trump.

Sugiro a leitura de "Fascismo, um Alerta", de Madeleine Albrigth.

quarta-feira, novembro 14, 2018

CAMINHO DE MORTE

E eis a morte que  me cerca  e me leva pela mão, mostrando o caminho inevitável e que igualiza tudo e todos.

Não existe fuga, não existe esconderijo.

A carne é volátil e frágil , nada a protege  nem a torna eterna, mas também quem tem a loucura de querer viver para sempre   no meio de tristeza e fúria e maldade?

Nada é real , tudo é reflexo.

segunda-feira, novembro 05, 2018

ONZE ANOS

 O "são", meu primeiro blogue, completa hoje onze anos.

A quem me tem apoiado , com a sua presença e comentários, a dar-lhe vida, o meu sincero abraço de gratidão.

Arquivo do blogue