terça-feira, junho 12, 2012

PROFESSOR ANTÓNIO NÓVOA NO DIA DE PORTUGAL



Não deixem de ouvir!!!

Imperdível tanto pela extraordinária coragem e lucidez do discurso como pelas expressões faciais de quem detém o Poder.


29 comentários:

  1. Um vídeo bastante eloquente. O futuro passa efectivamente pela valorização da Cultura e da Ciência mas esses valores sempre foram menosprezados pela maioria da nossa população devido a um problema ainda mais grave: A Educação. A Educação neste país é absolutamente lamentável e isso vejo-o eu no meu dia a dia. Trata-se de um problema que só se poderá atenuar com a sucessão das gerações, ou seja, só a longo prazo. Mas para isso é necessária uma forte vontade da sociedade e parece-me que falta cada vez mais vontade a todos nós. Um vídeo muito bom. Um discurso proferido por uma mente brilhante e bem educada. Obrigado pela partilha.

    ResponderEliminar
  2. Toda a minha vida profissional foi ligada à docência.

    Para mim, a Educação está na base de tudo , melhor: é a base da nossa vida.

    Por esse motivo o Poder nunca está interessado em que o povo seja educado(claro que não me refiro às cortesias sociais), porque uma pessoa educada tem enorme poder reivindicativo e analisa claramente o que a rodeia.

    Neste momento, estamos a regressar ao Estado Novo por uma série de motivos e a Educação , que deveria ser enaltecida e preservada - está a sofrer um durissimo e deliberado ataque!

    Fique bem.

    ResponderEliminar
  3. Brilhante e desafiante!

    LUIZ

    ResponderEliminar
  4. Embora fosse oficialmente sua aluna na minha segunda licenciatura só tive aulas com os assistentes, mas pela fruta se conhece a árvore, não é?

    Um bom dia.

    ResponderEliminar
  5. Bom discurso. Infelizmente a cultura e educação são menosprezados no nosso país.

    ResponderEliminar
  6. Foi o único discurso que valeu a pena ouvir. O do Cavaco foram as banalidades do costume, e dos outros nem me lembro, São :)

    ResponderEliminar
  7. No osso país vive-se de apar~encias e pouco mais.

    Além disso, a Inquisição e a ditadura fizeram bem o seu trabalho.

    Tudo de bom, RAÌNHA

    ResponderEliminar
  8. Este excelente discurso é , ainda por cima, genuíno!

    Cavaco é um medíocre arrogante e preconceituoso.

    Saudações, VIC

    ResponderEliminar
  9. Foi bom de ouvir. Dentro do marasmo do lago é refrescante o som da pedra a bater no charco bem como ver as ondas produzidas... Contudo, coloquem-se as palavras no lugar certo e Sampaio da Nóvoa fez mais um discurso de alguém incomodado mas sem propósitos de provocar incómodos. Situou-se dentro do paradigma alertando para os nefastos efeitos de não se considerar a importante área do seu próprio ministério. Fui limpo. Apenas isso. E isso é tanto?

    ResponderEliminar
  10. Nos tempos que correm , ser claro e denunciar as injustiças desta maneira , não sendo tudo, já é muito.

    Fica bem, amigo

    ResponderEliminar
  11. Querida amiga, más allá del buen discurso estan los hechos...
    El mundo asiste impávidfo al fin del buen gusto, el decoro y la educación..
    Besos

    ResponderEliminar
  12. Ouvi em direto e depois vi a gravação.
    Uma autêntica pedrada no charco.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  13. Vi o discurso, no próprio dia, partilhado via FB! E sim, só o tio Marcelo é que parece estar de algum modo divertido e concordante, que as caras de pau são mais que muitas!

    Cambada de governantes mais incompetentes!

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  14. Como não assisti a nada no dia, só tomei conhecimento hoje e fiquei satisfeita com a atitude do reitor da Universidade Clássica de Lisboa.

    Bons sonhos, ELVIRA

    ResponderEliminar
  15. Marcelo tem jogo de cintura, acho.

    Tens razão: incompetentes, mentirosos e corruptos, há de tudo!

    Só que o bom e manso povo português escolhe-os alegremente.

    Uma serena noite TETÉ

    ResponderEliminar
  16. EVANIR, bem haja e receba muito carinho meu.

    ResponderEliminar
  17. Concordo contigo, meu querido amigo.

    Estamos na transição de ciclos e está a ser complicado...

    Besos, RODOLFO

    ResponderEliminar
  18. Só ouvi ontem à noite, porque estive em retiro durante cinco dias. Sem acesso à Net,sem ligar o televisor ( a não ser para ver o jogo de Portugal) e sem saber notícias.
    Um excelente discurso mas que, segundo me parece, teve pouco eco na comunicação social.Porque será?
    Gostei de a saber de regresso, amiga São
    Tenha uma noite descansada

    ResponderEliminar
  19. El idioma y la palabra bien usados tienen un poder extraordinario, no cabe duda.

    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  20. Amigo Carlos, fiz exactamente igual durante os quinze dias que estive nas Termas de S.Vicente(Penafiel) e isso fez-me mesmo muito bem.

    Aliás, quando viajo faço questão de me desligar das notícias portuguesas.

    Se tivesse usado uma qualquer imagem futebolística ou feito uma patriótica referência à gloriosa Selecção a nossa culta e livre comunicação social teria feito grande publicidade , asim...

    Agradeço e retribuo o contentamento pelo regresso.

    Bom dia para si

    ResponderEliminar
  21. Assim é, RAFAEL...e, por isso, gosto dos teus poemas.

    Abrazo

    ResponderEliminar
  22. Cultura, Ciência, Educação são os sectores onde menos se investe neste país.
    Cumps

    ResponderEliminar
  23. Sempre assim foi, desgraçadamente!

    Mas, caramba, estamos em 2012 : deveríamos ter aprendido alguma coisa!!

    Um abraço

    ResponderEliminar
  24. Sapo engolido?
    Gostei de ver, assim como as palavras do bispo das forças armadas!
    Mais vozes se levantem...

    ResponderEliminar
  25. Oxalá, Rui, oxalá!!

    Bem o necessitamos.

    Tudo de bom

    ResponderEliminar
  26. Excelentes e sempre oportuníssimas palavras, seja em que país e contexto forem.
    Ainda há esperança. Sempre!

    Abraço grande e solidário, minha Irmã!

    ResponderEliminar
  27. Haja esperança, sim...embora não veja muito bem como.

    Saudades e beigos, meu querido

    ResponderEliminar
  28. Cheguei a anotar umas frases deste maluquito para futuro uso.

    ResponderEliminar

"BENVEGUT AQUÈL QUE NOS VEN MANS DEBÈRTAS"
(Saudação Cátara)

Arquivo do blogue