sexta-feira, outubro 23, 2015

BOM FIM DE SEMANA : Zé Perdigão - Em Aranjuez com o Teu Amor

26 comentários:

  1. ~~~
    ~ O «Concierto de Aranjuez» é uma das composições musicais

    minhas preferidas e, talvez, a que mais me emociona.

    ~~~ Beijinho, com votos de ótimo fim de semana. ~~~
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho -o tocado por Paco de Lúicia em Aranjuez, mas infelizmente nunca ouvi o guitarrista ao vivo...

      Minha linda, abraço de bom fim de semana :)

      Eliminar
  2. Ainda nao tinha ouvido... me emocionei... achei lindo...

    Um otimo fim de semana de muita paz...

    Beijos, querida São...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma versão diferente e com mais força do que aquelas que estamos habituadas a ouvir....

      Beijinhos, linda, bom domingo

      Eliminar
  3. Quem faz música desta não devia morrer...
    São, minha querida amiga, tenha um bom fim de semana.
    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo, mas o que vale é que a beleza das obras permanece.

      Querido amigo, abraço agradecendo e retribuindo os votos e que tenha feliz semana.

      Eliminar
  4. É onde estará Cavaco quando empossar um governo de gestão, para não dar abébias ao Costa, e dar maioria ao colega de partido. bfds

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. o reformado de Boliqueime jamais empossará um Governo de esquerda, até por razões de saúde , pois se desmaiou quando foi o Guterres, imagine-se agora com BE e PCP à mistura: cairia fulminado por uma síncope a meio da cerimónia.

      Bolas ,ainda tínhamos que pagar um enterro de EStado!

      Bom domingo

      Eliminar
  5. Respostas
    1. Esperava isso de quem tem o seu bom gosto.


      Tudo de bom.

      Eliminar
  6. Adorei e dou comigo a pensar porque não conhecia este Zé!!! =) Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também o descobri recentemente...

      Grato abraço e bom domingo :)

      Eliminar
  7. Emocionante! Lindo! Lindo! Um bom resto de Domingo e uma feliz semana! Obrigada pela doce visita Portuguesa! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vinda

      Grato abraço pelas gentis palavras e espero que regresse sempre

      Bom resto de domingo e semana muito agradável para si, Patricia :)

      Eliminar
  8. Olá, São!

    Espero que esteja bem. Aqui, satisfatoriamente.
    Como já me "conhece" há algum tempo, e não é assim tão pouco, sabe que sou frontal, sem ser boçal. E por que faço eu esta afirmação? Sempre que acedo ao seu blogue, aparece o cabeçalho, logicamente, e a primeira vez, a minha mente fez, de imediato, associações. Sei do que se trata, e por isso tenho de acrescentar que a História é uma ciência, não exata, mas fascinante.

    Não conhecia esta versão de "Aranjuez", mas como o Zé Perdigão é muito sentido e castiço, há palavras que não consegui perceber bem. Estive a ouvir o Richard Anthony no mesmo tema, e depois fui ler a tradução da canção ou fado-canção, mas no português do Brasil, que considero mto insatisfatória, aliás, deturpa o sentido da letra. Gostei bastante da interpretação dele. A São tem gostos musicais sui generis, diga-se em abono da verdade.

    Ainda a propósito de Aranjuez, quero contar-lhe o seguinte: estava eu a assistir na rua a um espetáculo musical, e esta canção foi interpretada por uma mulher, cantora, provavelmente, acompanhada por músicos. Ao meu lado, estava um casal com crianças, e a certa altura diz a senhora para o senhor que estava ao lado dela: vês, ela está a pedir para ele arranjar o amor, deles, com certeza. O homem olhou-a, e ficou exatamente com a mesma expressão. Quantas conclusões eu tirei daqui!

    Bom resto de domingo e melhor semana.

    Beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vinda, Céu!

      Obrigada pelo cuidado, descobri recentemente que tenho DPOC (coisa de que nunca ouvira sequer falar). No entanto, com a medicação está tudo a correr sem problemas graves ainda.

      Essa frontalidade que nunca roça a grosseria é uma das características que aprecio em si , pois também considero que se pode dizer tudo sem descambar( coisa que certas criaturas não conseguem entender, infelizmente para elas).

      Adoro História , como sabe, mas a que nos ensunam não corresponde ao que se passou e não é linear como nos afirmam.

      Nesse sentido e principalmente em relação a estas construções megalíticas , não aceito nem as teorias de construção nem as simbólicas.

      Descobri há pouco tempo Zé Perdigão e acho que tem uma voz tremenda, embora ganhasse um pouco se a burilasse mais.

      Pois, realmente, gosto de tudo quanto é próximo da essência.

      Imagino , também teria tirado algumas, sim...

      Uma semana feliz e que tudo seja como deseja, votos que envio no meu grato abraço :)

      Eliminar
  9. Aranjuez com alma cigana.
    Arrepia!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Perdigão faz-me lembrar uma cantaora andaluza de flamenco , que tinha também uma voz poderosa e cada vez que cantava era um grito de alma arrancado lá bem do fundo.

      Eliminar
  10. A música é imortal. A versão, magnífica.
    Sem outras palavras.

    Beijo
    SOL

    ResponderEliminar
  11. Aranjuez, mon amour! Muito bonito, São!!

    Beijinhos musicais.

    ResponderEliminar
  12. Não conhecia esta versão! Fantástica!
    :) :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também a conheço há muito pouco tempo

      Abraços

      Eliminar

"BENVEGUT AQUÈL QUE NOS VEN MANS DEBÈRTAS"
(Saudação Cátara)

Arquivo do blogue