sexta-feira, janeiro 20, 2017

BOM FIM DE SEMANA COM CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE


                      QUADRILHA

João amava Teresa que amava Raimundo
que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili
que não amava ninguém.

João  foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento,
Raimundo morreu de desastre, Maria ficou para tia.
Joaquim suicidou-se e Lili casou com J.Pinto Fernandes
que não tinha entrado na  história.


CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE

22 comentários:

  1. O humor inconfundível desse grande Senhor que foi Drummond de Andrade.
    Um abraço e bom fim-de-semana.
    Andarilhar || Dedais de Francisco e Idalisa || Livros-Autografados

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lembro-me ainda da primeira vez que ouvi Villaret a recitar este poema, que logo me agradou

      Abraço e tudo de bom

      Eliminar
  2. Drummond é excelente.
    Com ou sem quadrilha, um bom fim de semana.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordamos :)

      Obrigada , igualmente

      Eliminar
  3. Drummond de Andrade sempre nos encantando.
    Bom fim de semana
    Um abraço

    ResponderEliminar
  4. Drummod é uma paixão minha, um grande poeta e adoro este sarcasmo dele, este humor, quase negro neste poema. Terei um ótimo final de semana. Os poemas postados renascem a cada vez que lemos, poesia para sempre.
    os, Carinho respeito e abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida, ninguém morre enquanto fot lembrado no mundo dos vivos.

      Espero que me d~e o gosto de seus comentários sempre.

      Abraço grande

      Eliminar
  5. É sempre um prazer imenso ler os belíssimos poemas de Drummond. Uma escolha ímpar querida
    Um maravilhoso final de semana
    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Drummond é muito bom, sem dúvida. Há tempo que queria partilhar sua poesia.

      Beijinho e bom resto de semana

      Eliminar
  6. De mais este poemeto!! Cena tão vulgar, mas imaginação invulgar para a registar...

    Bom fim de semana, São!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Relato de Vida sem floreados.

      Beijinhos, menina

      Eliminar
  7. Há tanto tempo que não lia este texto de um poeta inteligente!
    Bom fim de semana amiga!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Conheço-o e gosto-o deste a adolescência.

      Beijinho e bom resto de Janeiro, amiga

      Eliminar
  8. Que não ame ninguém,
    no mundo deve haver muita gente
    porque, quem mais poder tem
    julga-se um macaco diferente!

    Gostei dessa Quadrilha!

    Boa noite e bom fim de semana amiga São, um abraço,
    Eduardo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente, sim...mas também existe quem não é amda, o que dói imenso.

      Abraço grande, meu amigo, e bom fim de Janeiro

      Eliminar
  9. é a vida! como diria o outro ...
    tanta sabedoria em duas quadras!

    beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo a Vida!

      Nem imaginas como aprecio poemas assim breves , mas profundos.

      Beijo e rápidas melhoras do computador.

      Eliminar
  10. Bom fim de semana também para ti, São, apesar do frio intenso. Gosto muito de Drummond de Andrade e aqui, com um certo humor deixa-nos uma quadrilha onde nos mostra um pouco do que é a vida; vem de tudo " no pacote" como se costuma dizer. Beijinhos
    Emilia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora é chuva e cinzento opaco (ou quase).Antes o frio...

      Conheço este poema lindo desde muito jovem dito por João Villaret e apaixonei-me logo.

      Bom resto de Janeiro, Mila

      Eliminar
  11. Respostas
    1. Feliz resto de Janeiro, meu amigo Carlos

      Eliminar

"BENVEGUT AQUÈL QUE NOS VEN MANS DEBÈRTAS"
(Saudação Cátara)

Arquivo do blogue