quinta-feira, novembro 13, 2014

CITAÇÃO - PEDRO NORTON

"É legítimo perguntar se não estaremos a ir longe de mais  na concentração de poder  nas mãos de empresas chinesas(com a agravante  de que não estamos a falar de um país  com uma enorme tradição  de independência  entre poderes políticos e económicos).

Não é pois uma questão  de rejeitar  investimento  chinês ou sueco. É uma questão de sentirmos  que o grau e a dimensão desse investimento é susceptível de criar  uma concentração de poder excessiva."
                                       
                                                              Pedro Norton 
                                        (Revista "Visão" Nº 1131, 6-12/11/2014)
    

Acabei de saber que Fórum-Barreiro , inaugurado com pompa e circunstância  não há muitos anos, vai encerrar e que, mais uma vez, é uma empresa chinesa a comprar.

Quando é que teremos a língua do império do sol nascente como língua oficial em Portugal?...

44 comentários:

  1. Triste deste país que viu Abril para agora se afundar pelas mãos da sua própria gente!!

    Beijinhos Marianos, São!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Da sua própria gente? Desculpa, mas não tenho tanta certeza disso, quando Passos se diz africano...

      Dá-me a impressão de que este deliberado empobrecimento do país que a criatura assumiu como objectivo máximo é a vingança pela descolonização!!

      Bom serão, Maria :)

      Eliminar
  2. A grande questão, querida São
    não está em quem está a comprar
    mas sim em quem está a vender
    e o que vende
    vendendo
    até
    o que não lhe pertence

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O cerne da questão é esse. sim. Mas de qualquer modo considero preocupante entregar tudo assim a um só país, independentemente de quem seja.

      Sou portuguesa, não estou nada disposta a ser mandada seja lá por quem for que não seja da minha nacionalidade, mais do que já sou e não posso evitar.

      Meu caro amigo, bom fim de semana

      Eliminar
  3. Podem chamar-me xenófoba ou o que quiserem, mas não confio muito nos orientais, que se há de fazer?! Eles, se calhar, também não confiam muito em nós...

    (O Rogerito tem razão: o problema está em quem está a vender...)

    Beijinhos (ocidentais)...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também acho mais grave a venda do que acompr, talvez isso não tivesse ficado clato.

      No entanto, já que estão a vender tudo por meia taça de mel coado, seria bom que estas abéculas destruidoras não entregassem tudo de mão beijada a um só comprador, acho eu.

      É que , ainda por cima, nem gosto da língua...como também não gosto da alemã!

      Bom fim de semana, Graça

      Eliminar
  4. Temos uns políticos que se vendem por um prato de lentilhas...
    Cumps

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É muito generoso ao chamar-lhes políticos, caro José !

      EStes tipos são uns vendidos e uns corruptos ; veja só os escândalos que por aí pululam!!

      O reformado de Boliqueime acha que está tudo bem e Passos , o fedelho mimado , nem demite nem aceita demissões...nem que a criatura em causa assassinasse alguém, pelos vistos!

      Saudações

      Eliminar
  5. E a pergunta é: E o que vai acontecer quando não houver mais nada para vender? Que país vai ter a minha neta?
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando não houver nada para vender , os Senhores do Mundo através dos seus paus mandados , isto é, os Governos de turno farão legalizar novamente a escravatura ...

      Beijinhos e abraços

      Eliminar
  6. Saber chinês já uma mais-valia, São.
    Que ninguém tenha dúvidas disso.
    E não é só em Portugal.
    Bfds

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Creio que sim, que é mesmo uma boa coisa sabê-la...o que não quero, é tê-lo como língua oficial .

      Aliás, o receio que eu tinha , acentuou-se com este escândalo dos Vistos Gold: que as tríades asiáticas estejam a passar por aqui!

      Obrigada, igualmente Pedro

      Eliminar
  7. A ideia não me agrada nada!
    Dou comigo a pensar na "gente de valor" que não tem oportunidades no nosso país!
    bj amigo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois , é isso mesmo!

      Estamos a perder a identidade...e eu nem sou xenófoba nem racista!

      Abraço grande e bom fim de semana :)

      Eliminar
  8. Confio mais num chinês (ou na Isabel dos Santos) para salvaguardar o interesse nacional que confio em Cavaco, Portas ou Passos (excetuo o Marques Mendes, que é um quiducho). bfds

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estamos com o mesmíssimo grau de confiança nas criaturas do Poder, meu caro...

      Só que eu não abro excepções nem por brincadeira.

      Obrigada , também para ti :)

      Eliminar
  9. Isto está cada vez mais difícil...estou de acordo contigo, se o pessoal envolvido nessa coisa dos vistos gold falasse chinês talvez não estivessem hoje com os olhos em bico a clamar inocência.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabes? Acho que quem está envolvido no escândalo sabia bem o que estava fazendo, não é uma questão de língua..é uma questão de ética .

      Aliás, sempre tive muito receio que as tríades asiáticas aproveitassem estes Vistos para branquearem dinheiro..e fico chocadissima ao ouvir António Lobo Xavier afirmar na SIC e em directo que a proveniência do dinheiro não importa!!

      Pelos vistos , até poderá, eventualmente, ser de venda de drogas, armas e prostituição...

      Bom fim de sábado

      Eliminar
  10. ~ ~ Eles invadiram Portugal continental e insular!
    ~ ~ Pagam elevadas rendas por grandes ex-lojas portuguesas, bem localizadas, agora encerradas por falta de procura de artigos de qualidade.
    ~ ~ Podem considerar-se os grandes vencedores da presente grande crise.

    ~ ~ Eles constituem uma enorme comunidade europeia que realiza anualmente uma grande reunião.
    ~ ~ Cada comerciante mantém com a sua autarquia natal um relacionamento, enviando-lhe uma "prendinha", em retribuição pela formação na língua do país para onde pretendiam emigrar.
    ~ ~ Enviam fotos para amigos, em todo o mundo, com os dedos fazendo um V,
    ~ ~ V de Vitória, Victoria, Vittoria, Victory, Victoire...

    ~ ~ Também podia ser, dizemos nós, "veni, vidi, vici"...

    ~ ~ PN tem razão quando receia uma excessiva supremacia por parte de protegidos da embaixada de um país que pratica um regime totalitário, um país que se apoderou do Tibete por ávida ambição e que tão mal trata os seus autótones.

    ~ ~ ~ Abraço amigo, com votos de um excelente fim de semana, ~ ~ ~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sensação que tenho é que a invasão chinesa é imparável: um de cada quatro seres humanos é chinês.

      Até em Cabo Verde encontrei lojas chinesas!!

      Tudo isto me assusta, tanto mais que a China está a tratar também de modernizar o Exército.

      Enfim...

      Abraço com muito carinho a agradecer e retribuir os votos de bom fim de semana :)

      Eliminar
  11. Minha querida Neninha
    P'ra já p'ra já... andamos todos com os olhos em bico :)
    E não me admiraria nada se o mandarim passasse a ser a segunda língua obrigatória no ensino.
    Concordo inteiramente com o comentário do Rogério. Ele é pôs "a mão na ferida".

    Desejo-te um bom fim de semana, minha querida.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha querida Mariazinha, pois o drama mesmo é a venda, sem dúvida: não sei o que vai restar de Portugal quando Passos e grupinho saírem finalmente do Poder , mas - como disse D. João II- certamente só os caminhos restarão...

      Neninha minha, um carinhosos abraço e que tenhas feliz fim de semana :)

      Eliminar
  12. Olá Amiga, estou como diz acima num comentário, o maior problema não é quem compra mas o facto de estarmos a vender Tudo; não via sobrar " nadica de nada ". Que triste, amiga! Beijinhos
    Emília

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga, o problema maior é mesmo o de estar a vender, mas acho também preocupante quem compra.

      E entregar tudo a um só país , seja a China ou outro, não me deixa tranquila. Tanto mais que tudo isto me traz à memória um livro intitulado "Quando a China Despertar"...

      Tens razão: muito triste!

      Abraço amigo, Mila

      Eliminar
  13. Para o desgoverno já é. Tanto que a maioria dos desgovernantes não se entende.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não se entende, realmente,mas eu aposto em que vão às eleições coligados na mesma!

      Beijo, Lino.

      Eliminar
  14. Portas e Coelho são a comissão liquidatária deste pobre rectângulo...
    Abraço do Zé

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E com enormes comissões, decerto...

      Bom serão , meu caro ...

      Eliminar
  15. Tenho mesmo muito receio... do futuro próximo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também ...também eu...e mesmo contos bonitos como o teu não nos consolarão...

      Eliminar
  16. Um dia destes vendem o Parlamento... E os chineses compram tudo...Negócios da China...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só se for o edíficio, porque grande parte de quem lá está já se vendeu...

      Eliminar
  17. Respostas
    1. A mim também me parece isso, amigo !

      Obrigada, também para ti :)

      Eliminar
  18. Aí! amiga, nem sei que diga o país está a saque :)
    Parece um pesadelo, já nem honramos a nossa pátria, que geração esta que nos desgoverna, de onde veio!? quem os ensinou a enganar todo um povo, com história, milenar :(


    Beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A saque, está...maqs não há muito mais para saquear ...e depois?!

      Vendem-nos a nós como escrav@s, será?

      Uma triste realidade do nosso país, que é o amis antigo da Europa!

      Passos é retornado : está a desforrar-se da descolonização.

      Abraço grato para vós e bom fim de semana também

      Eliminar
  19. Boa e oportuna postagem. Neste tempo de Vistos Gold... Escândalos, interesses, corrupção.
    Já tudo foi dito nos comentários anteriores.
    (Todos os dias nos saem coelhos da carola)
    :( :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O que mais me enfurece é esta choldra , atulhada em corrupção e mentiras e interesses , terem o descaramento e a indecência de nos exigirem sacrifícios e virem dar lições de moral!!!

      Os coelhos saem da cartola , mas não do Poder, infelizmente, porque em Belém temos uma criatura mesquinha e sem sentido nenhum de Estado !

      Abraço grande, Odete, e excelente fim de semana

      Eliminar
  20. .

    .

    . a situação que des.creves cresce a olhos que teimam em não quererem ver . perigosa.mente silenciosa . e aqui . na zona oriental de lisboa onde resido . são aos milhares . e todos a des.frutar de uma vida . topo de gama . mesmo . no entanto . trabalham de Sol a Sol .

    .

    .

    . de portugal restará tão pouco . ou quase nada .

    .

    . um excelente fim.de.semana . minha querida amiga . :) .

    .

    . um beijo meu .

    .

    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temo que Portugal esteja agonizante e que acabemos por desaparecer como povo, sabes?

      Meu querido amigo, te deixo apertado abraço de matar saudades-

      Eliminar
  21. Interrogações pertinentes que nunca é demais
    colocar, para que quem de direito tome as
    devidas precauções.

    Bom fim de semana, cara São.

    Bj

    Olinda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredita mesmo que esta gente que foi colocada imprudentemente no Governo tem intenções de suster a situação?...

      Mimha querida Olinda, abraço de bom fim de semana ;)

      Eliminar
  22. Olá, São!

    Diz um ditado em Inglês que "beggars can´t be choosers". Que é como quem diz ,que quem pede não escolhe.E falidos como há muito estamos, de mão estendida, escolher entre chineses ou quaisquer outros é apenas uma questão de somenos.E, no fundo, entre estes e outros, sinceramente não vejo grande diferença.Ironicamente, hoje em dia,são até muitos - cá deste lado ocidental - os que acham que no modelo híbrido chinês é que mora o futuro:As voltas que este mundo dá...

    Bom Domingo, com um abraço amigo.
    Vitor

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vindo, Vítor!

      Desconhecia esse ditado, até porque o meu inglês não é tão rico que dê para tanto,,,mas está correcto: os pedintes não podem ser "escolhedores".

      Esse modelo híbrido que, como bem dizes, ironicamente há ocidentais que até já acham maravilhoso não sei se não junta o pior dos dois sistemas.

      O drama é , como é dito aí atrás, a venda desenfreada e sem cuidar do futuro, porque quando se desbaratar tudo...como é?!

      Porém, toda esta concentração nas mãos de um único país, não me agrada, realmente.

      Num abraço amigo desejo-te um óptimo domingo :)

      Eliminar

"BENVEGUT AQUÈL QUE NOS VEN MANS DEBÈRTAS"
(Saudação Cátara)

Arquivo do blogue