sábado, novembro 14, 2015

TERROR


Para se ter uma percepção mais clara acerca da tragédia vivida ontem na capital de França , sugiro a leitura atenta de "O Islão e o Ocidente - A Grande Discórdia ", de Jaime Nogueira Pinto.

Paz para TODAS as vítimas !

Luz para a Humanidade !

38 comentários:

  1. Quase de certeza que não vou ler. Jaime Nogueira Pinto coloca questões certas e que são históricas. Contudo, há questões próximas que ele não aborda. Nem no livro, nem nas entrevistas...
    Ler o livro, não se perde nada.
    Mas passa-se a ter uma visão limitada.

    (e claro que vou escrever sobre o que está a acontecer)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rogério, passar-se-ia a ter uma visão limitada se nos limitássemos a ler só este livro, mas se juntarmos outros livros alargaremos a abordagem da questão.


      Estou em estado de choque com o assassinato a frio pelos terroristas do dito Estado Islâmico de duzentas crianças sírias de uma só vez e não vi ninguém ser sírio no facebook.

      Fica bem

      Eliminar
  2. ~~~
    ~ Lamento muito pelas vítimas, familiares e amigos; mas também lamento

    por todos os homens honrados que professam o islamismo, pelos emigrantes

    que vivem em França, pelo ambiente de desconfiança que grassará em Paris

    e pelos imigrantes europeus.

    ~ Um dia, realmente, triste.
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ~~~~ Abraço, amiga. ~~~~
    ~ ~ ~ ~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, só acrescento às tuas palavras o desejo de que não se esqueça de que é deste bárbaro grupo que se auto-domina Estado Islâmico , capaz de assassinar cruel e cobardemente duzentas crianças sírias e colocar o vídeo na Net, que os refugiados fogem!

      Beijinhos, amiga

      Eliminar
  3. Sugestão aceite! Que a paz regresse urgentemente aos corações de quem está a sofrer! Um terror inaceitável! Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que assim seja, Maria da Graça !

      E pensar que se teria podido evitar muita coisas se Bush e Blair não tivessem efectuado aquela estúpida guerra do Iraque,,,

      Abraço amigo, Maria da Graça

      Eliminar
  4. Se encontrar na biblioteca, vou requisita-lo.
    Abraco

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que gostarás, embora o tema não fique esgotado, obviamente

      Bom domingo

      Eliminar
  5. Isso de luz para a humanidade se calhar é pedir demais...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que feliz surpresa, minha linda!

      Também acho, mas o melhor é tentar.

      Beijinhos, bom serão e que recuperes bem :)

      Eliminar
  6. O mundo está a atravessar uma época complexa cujo evoluir é imprevisível mesmo para os especialistas, militares ou sumidades em comportamentos políticos e sociais.
    Há muito tempo que a sementeira do ódio tem sido feita nos campos mais férteis, para que germine em profusão. Sabemos dos responsáveis políticos que pregam um mundo da simulação e que concorrem com os manipuladores da religião. Outros, os do topo, vivem escondidos por trás de um complexo sistema de interesses económicos e financeiros.
    Quanto vale uma vida humana? Quanto vale um americano ou um europeu? E quanto vale um palestiniano, um sírio, turco ou um iraquiano ou um nigeriano, ou, ou? Estes últimos não têm cotação na bolsa de valores que motivam os investidores, os fundos de investimento, os nababos dos sultões árabes. Os mortos são lapsos, danos colaterais, excedentes do sistema, da esquizofrenia em que todos vivemos. Exportam-se armas, revoluções, "democracia" e "liberdade", sonhos e ilusões e perpetua-se a exploração.
    A estupidez das cadeias de televisão que exibem pornograficamente as imagens da desgraça conduz, cada vez mais, à estupidificação das pessoas transformando-as em consumidores amorfos prontos a aceitar tudo o que lhes propõem com o embrulho infalível do medo. Como é que é possível manter no ar imagens da tragédia do massacre em França tanta hora? Isto é informação? É por causa do share?
    Dêem paz às pessoas e respeitem as vítimas: os mortos e os vivos.

    Boa semana, São.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Disse tudo e muito lucida e certeiramente.

      É lamentável, mas a maioria das pessoa anda em total alienação e acaba por fazer o jogo dos Senhores da Guerra, que só se interessam pelo lucro e pouco se importam com as pessoas.

      Estamos em período de transição , sempre conturbado.

      Resta esperar que tudo melhore depois, embora ache difícil dado padrão de comportamentos que estamos criando.

      Abraço e que seja boa a sua semana

      Eliminar
  7. Acompanha os Radicais na Antena 1 (Jaime Nogueira Pinto e Rúben Carvalho)?
    Vale a pena.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não, houve tempo em que ouvia muito rádio, mas agora não.

      Semana boa para si e meninas :)

      Eliminar
    2. Radicais Livres, vale a pena ouvir, São.

      Eliminar
  8. Concordia, tolerancia, justicia.
    Besos, querida amiga. Que esta semana no sea demasiado cruel con nosotros.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ojalá, querido amigo mio!

      Tudo de bom

      Eliminar
  9. Foi uma tragédia um horror.
    Não conheço o livro mas conheço o seu autor que é sinal de qualidade.
    Um abraço e boa semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O autor é de Direita, mas eu respeito a seriedade venha de onde vier, embora possa estar em total desacordo com a pessoa como é o caso.

      A tragédia e o horror vêm do tempo das Cruzadas ( que alguns querem reavivar actualmente). Aconselho a leitura de "As Cruzadas Vistas pelos Árabes " que elucida muito bem a actuação , por exemplo, dos franceses em terras do Oriente.

      Agradecidos e retribuidos :)

      Eliminar
  10. Boa tarde, não necessito de ler as As Cruzada para saber que estes ataques terroristas que matam inocentes, deve-se à cimeira das lages de 2003 para o ataque ao Iraque sem Justificação, este ataque matou milhares de inocentes, Tony Blair já reconheceu e pediu desculpa publicamente pelo erro, os outros três continuam com a cabeça enterrada na areia.
    AG

    ResponderEliminar
  11. Bem vindo!

    " As Cruzadas Vistas pelos Árabes" não dão novidade nenhuma, só aprofundam e alargam aquilo que já sabemos sobre o horror que foi a presença cristã naquela região.

    Que este pavor desencadeado sobre Paris tem origem numa guerra sem sentido nem justificação senão a dos interesses de quatro criminosos ( sim, porque Durão também o é) não oferece dúvida nenhuma.

    É-me completamente indiferente Blair ter pedido desculpa, acho tão só que é mais um acto de cinismo !

    E , infelizmente, muitos mais atentados e massacres não só aqui no Ocidente mas também no mundo muçulmano ( o mais recente foi no Líbano) , o DAESH fará-

    Como sempre, a resposta do Ocidente é bélica e estúpida---Será que a França acha que vai esmagar o que querq ue seja com bombardeamentos?

    Boa semana, António

    ResponderEliminar
  12. Haja paz e que os senhores do mundo, aqueles que decidem os nossos destinos sem lembrem que há uma classe esquecida no meio disto tudo: os Historiadores. Há muito que não fazem caso desta disciplina, fundamental para que se tenha uma visão global de tudo o que tem acontecido e que vai continuar a acontecer. se não forem tomadas as decisões devidas.

    No meio disto tudo sofrem os inocentes, sofremos todos nós.

    Bj

    Olinda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Haja Paz, sim!

      Quanto à História, que sempre foi uma das minhas paixões, a minha querida amiga crê mesmo que estas criaturas só pensando nos seus interesses e desprezando as pessoas se preocupam com isso??

      Os inocentes , especialmente as crianças, são as vítimas de criaturas sem consciência, sem compaixão, sem respeito à Humanidade.

      Grande abraço e boa semana

      Eliminar
  13. Isto ,não é politica, não é religião.
    E mesmo desumanidade.
    Horror.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo de todo.

      As religiões , as maiores, partilham a mesma mensagem de paz e aceitação do Outro.

      Por isso, tem razão , Mina, isto é selvajaria pura.

      Abraços para vós

      Eliminar
  14. Não conheço. Vou tentar encontrar e ler.
    Ainda assim, é um assunto que tem muito que se lhe diga...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que irá gostar.

      Evidentemente, não aqui que se esgota o tema, mas é uma boa ajuda para compreender o que se passa.

      Não podemos esquecer que o início foi a guerra do Iraque que o dementado Bush lançou deliberadamente e utilizando mentiras.

      Blair, o idiota que o apoiou, já apresentou desculpas, que para mim valem muito pouco e que certamente para quem sofreu as consequências daquela estúpida agressaõ não devem valer nada.

      Boa semana

      Eliminar
  15. Obg pela sugestão, São.
    Quanto ao que se passou, temos visões idênticas...
    Para quando uma nova estratégia em nome da Humanidade?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As tragédias estão a ocorrer todos so dias, amiga : duzentas crianças sírias assassinadas a tiro pelas costas e numa só vez pelo DAESH, que , além dos atentados de Paris, fez dois ou três dias antes outros em Beirute...

      E esta estupidez da França incrementar os bombardeamentos não vai trazer nada de bom, antes agravará a situação

      Como os Senhores do mundo só se interessam por lucros, essa estratégia não vai aparecer, amiga

      Beijinhos, Odete

      Eliminar
  16. Mi querida Sao.

    Resulta insólito asesinar sin piedad y a nombre de Dios.

    Te dejo un gran abrazo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estimado Ricardo , essas criaturas que assassinam invocando uma divindade, além de assassinos são traidores desse mesmo deus.

      Besos, amigo mio

      Eliminar
  17. Enquanto Durão Barroso, Bush, Blair, Aznar não estiverem na cadeia, não vejo onde está a tragédia, apenas vejo colher de tempestades, possivelmente a grande esperança da esquerda europeia piorará as coisas, mas isso só saberemos dentro de 5 ou 10 anos (Hollande devia dedicar-se às suas gajas e deixar a política).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A França não pode portar-se como não tendo responsabilidades no Próximo Oriente e vir declarar que foi atacada e agora vai para a guerra.


      O recrudescimento dos bombardeamentos só vai piorar as coisas e só néscios acreditarão que esmagam o DAESH assim.

      Entretanto , do lado cristão fanáticos do mesmo calibre querem o regresso às Cruzadas e os evangélicos formam milícias e assassinam também( o caso mais recente foi matarem catorze xamãs no Peru)

      E quanto a esse quarteto, penso como tu: deveriam responder em Haia e cumprirem prisão longa.

      Fica bem

      Eliminar
    2. Bem sei que Bush era o macho alfa, os outros eram apenas cachorrinhos tentando parecer líderes, mas o que está a acontecer é consequência direta das suas ações no Iraque; o Estado Islâmico agora só tem uma coisa a fazer, por causa dos bombardeamentos, abandonar o terreno, aproveitando a onda dos migrantes, instalar-se na Europa e fazer atentados a sério. Há dias vi as declarações de Barroso sobre os atentados, enojante, só espero que ele chegue a presidente da República (aquele a quem carinhosamente chamam professor Marcelo já está velho, não chegará para dois mandatos, e a seguir pode ser Barroso).

      Eliminar
    3. Durão é uma criatura que só pensa nos seus interesses : quando o confrontaram com as mentiras que basearam o ataque de Bush ao Iraque respondeu - e eu ouvi dele directamente , portanto ninguém me desmente ! - que Portugal até ficara a ganhar, pois era de um português a presidência da União Europeia!!!!

      Marcelinho nunca teve o apoio de Passos e camarilha, que preferem o cherne podrido .

      Não creio que o DAESH necessite de se infiltrar nos refugiados, até porque parece terem sido residentes franceses de há longo tempo os autores dos atentados,.

      Será obrigatório os terroristas deixarem documentos de identificação para assim facilitarem as investigações ?? Aconteceu nas Torres Gémeas, no Charlie e também agora...

      Tudo de bom

      Eliminar

"BENVEGUT AQUÈL QUE NOS VEN MANS DEBÈRTAS"
(Saudação Cátara)

Arquivo do blogue